terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Série de pequenas flamas

Hoje acordei com ignóbil alma
Sórdida
Embebido de severa vontade
Selvagem
De varrer as ruas de fogo
Destruir esquinas
Desenfrear
Se sou desritmado
O mundo que se encaixe
Destruído
Dentro de mim
Destruído
Como a peça que falta
Quando quebro a sua cabeça
Asfalto

Nenhum comentário:

Postar um comentário